Célere é responsável pela logística da F1 no Brasil, pelo 23º ano consecutivo
Data: 03/11/2014

Um trabalho que exige planejamento minucioso, sempre sujeito a muitas imprevisibilidades, é o desafio da Célere, empresa do grupo Movicarga, há 23 anos, ao ser responsável pela logística da Fórmula 1 no Brasil.

Em uma operação complexa, que abrange desde a chegada simultânea de aviões cargueiros em Viracopos até a entrega de toda a carga às equipes da F1 em Interlagos, a Célere exibe resultados com uma gestão de alta performance.

A operação não é simples. Assim que as aeronaves são descarregadas, os caminhões seguem em comboio para Interlagos, para as equipes receberem os carros e todo o equipamento adicional. A operação é acompanhada, minuto a minuto, pelas equipes da Célere, com o objetivo de garantir o atendimento necessário. São centenas de pessoas e equipamentos diretamente envolvidos na operação.

O tempo para tudo isso, no GP do Brasil, tornou-se ainda menor, no País, de uns anos para cá, pelo fato de o GP anterior ocorrer em um espaço de diferença de apenas uma semana, o que confirma a alta performance gerencial da Célere. A operação é realizada com total segurança, mesmo com todos os empecilhos burocráticos e logísticos no País. 

Logo quando acaba o GP Brasil, a Célere entra de novo em campo e faz, novamente, a operação, só que ao contrário. O circo da F1 segue imediatamente do Brasil para Europa. O GP Brasil de F1 – 2014 ocorre nos dias 7, 8 e 9 de novembro, no Autódromo de Interlagos.



Voltar