ÁREA DO ASSINANTE
Inscreva-se em nossa newsletter e fique bem informado!
Redução de Custos Logísticos

 

Assine Noticia


São José dos Campos realiza evento sobre desenvolvimento logístico

Com falas de representantes do setor, a ocasião trouxe resultados do crescimento da logística e novas tecnologias

Como parte das iniciativas da Prefeitura de São José dos Campos para a implementação do Plano de Desenvolvimento de Logística (PDLG), ocorreu no dia 27 de junho um evento especial para incentivar o desenvolvimento do setor. O evento, que teve a participação da Associação Brasileira de Operadores Logísticos (Abol), foram apresentados os resultados positivos do setor de logística e novas tecnologias, como uso de drones para inventário e robôs na armazenagem.

Segundo o presidente executivo da associação, Cesar Meireles, a Abol é uma associação nova, com apenas cinco anos, mas já se tronou importante na maioria dos fóruns econômicos privados (como Fiesp) e públicos (como CNT). Além disso, a instituição já é parte de uma rede internacional de entidades congêneres e isso mantém o ritmo de crescimento do setor no Brasil. Enquanto consultor do seguimento, ele também alertou aos empresários que a operação logística é muito mais que uma transportadora, um armazém de carga e um transporte intermodal. Para ele, trata-se de uma atividade complexa e que precisa de cada vez mais de profissionalização.

Como parte integrante do PDLG, o secretário de Inovação e Desenvolvimento da Prefeitura, Alberto Mano Marques, anunciou a “Lei da Logística”. A lei incorpora um conjunto de incentivos fiscais e operacionais visando atratividade de investimentos e Condomínios Logísticos. Trata-se de uma lei moderna que contempla tanto investidores, como embarcadores e operadores logísticos, tendo como contrapartida a geração de empregos e geração de renda para o município, um “trade off “ econômico.

O evento foi coordenado por Daniel Vantine e contou com a participação de mais de 60 representantes de empresas da região. Atualmente, São José dos Campos ocupa a posição de quinta maior cidade exportadora do país, com US$ 4,9 bilhões em produtos exportados em 2016. Outro fato para atrair futuros investidores é que a cidade e a região possuem também mão de obra altamente qualificada bem como diversos incentivos municipais, que promovem resultados positivos aos empreendimentos.

 

Veja também: