ÁREA DO ASSINANTE
Inscreva-se em nossa newsletter e fique bem informado!
Transfolha

 




Jadlog se prepara para expansão do e-commerce brasileiro

Publicado em 30/07/2018

Há potencial de crescimento das vendas on-line em categorias como moda e eletrônicos, que hoje estão mais difundidas na Europa

As vendas por meio do e-commerce no Brasil representam, atualmente, menos de 4% de todas as vendas do varejo nacional. Na Europa, em contrapartida, essa mesma proporção é de 11,3%, de acordo com pesquisa da DPDgroup, a segunda maior rede de entregas de encomendas internacionais da Europa. A Jadlog, uma das maiores redes de movimentações de cargas expressas e um dos principais operadores logísticos do comércio eletrônico no Brasil, está atenta a esse incremento, e para isso está lançando novos serviços voltados ao e-commerce, como o sistema Pickup.

De acordo com a pesquisa – realizada pela Kantar TNS em 21 países da Europa, junto a 24.870 e-shoppers que realizaram pelo menos uma compra pela internet em 2017 –, as categorias que impulsionam as vendas pela internet na Europa ainda possuem volumes baixos no Brasil, como Moda e Acessórios. Na Europa, este segmento do e-commerce representa 20% das vendas, enquanto aqui responde por apenas 14,2% do comércio eletrônico, de acordo com o relatório Webshoppers 2018 da Ebit.

As vendas de produtos eletrônicos pelo e-commerce na Europa chegam a mais de 12%, enquanto no Brasil representam apena 3,6% do total. “Em diversas categorias, temos ainda muito a crescer em termos de vendas pela internet, e a tendência é que esse crescimento seja observado ano a ano. Acreditamos que o comércio eletrônico no Brasil seguirá em expansão, e estamos preparados para atender essa elevação de demanda”, afirma o presidente da Jadlog, Bruno Tortorello.

Por outro lado, algumas categorias de produtos têm desempenho equivalente no Brasil e na Europa no e-commerce, como Cosméticos e produtos de Saúde, que representam pouco mais de 12% do total das vendas online.

 

Veja também: