ÁREA DO ASSINANTE
Inscreva-se em nossa newsletter e fique bem informado!
Redução de Custos Logísticos

 

Entrevista com o diretor geral da Transfolha, Alexandre Felix, sobre tecnologia e gestão para cargas expressas e e-commerce

Felix explica a estratégia de desenvolvimento da empresa e acentua a necessidade de se adequar ao mercado

Por Christian Presa | Redação MundoLogística

Excelência em transportes é uma meta almejada por todas as empresas do setor. No entanto, chegar a esse nível exige perspicácia e determinação, principalmente diante das condições da infraestrutura brasileira e dos cenários econômico e político do país.

As empresas iniciaram o ano com a responsabilidade de otimizar os trabalhos e aumentar a margem de lucro, arquitetando estratégias e investindo em tecnologia, inovação e gestão de pessoas. O foco é fazer 2017 acontecer.

A Transfolha, do grupo Folha de São Paulo, vê o desafio não só de crescer, mas de manter o legado construído desde 1988. A empresa iniciou as operações com a distribuição exclusiva do jornal e em 1990 começou a atuar no e-commerce. Atualmente, a Transfolha conta com estrutura de logística, armazenagem, distribuição e soluções web em 54 unidades estrategicamente localizadas nas principais cidades do país.

Para falar da empresa, descrever estratégias e anunciar planos para 2017, a Revista MundoLogística entrevistou o diretor geral da Transfolha, Alexandre Felix.

MUNDOLOGÍSTICA: Atualmente as palavras de ordem são eficiência e produtividade. Como a Transfolha vem trabalhando nesse sentido?

ALEXANDRE FELIX: Medimos nossa produtividade e eficiência nas diversas etapas do processo, iniciando na coleta de cargas, processamento check in, expedição, transportes e última milha last mile, acompanhando em tempo real, via tecnologia própria, a performance de toda a nossa rede de distribuição e por meio de indicadores atrelados ao nosso BSC (Balance Score Card). Com isso, conseguimos em um curto espaço de tempo revisar e otimizar os roteiros de entrega de encomendas expressas, jornais e a gestão/controle dos custos diretos ligados a cada etapa do processo.

Cada vez mais a tecnologia tem sido fundamental para a performance das empresas. Como vocês têm utilizado a tecnologia para melhorar as operações?
A nossa área de tecnologia possui um time de desenvolvimento dedicado ao atendimento de projetos e manutenção dos sistemas legados, assim como um PMO atuante junto à área de negócios, realizando trabalho semanal de priorização junto à diretoria. Nesse trabalho de priorização, leva-se em conta a expectativa de retorno ao negócio de acordo com as diretrizes estratégicas da empresa, assim como a capacidade de produção do time de desenvolvimento. O alinhamento dessas duas visões tem gerado excelentes resultados para a empresa.

Essa característica de uso intensivo de tecnologia é ainda mais necessária quando se fala em e-commerce?
Para obter uma operação de sucesso com comércio eletrônico, é fundamental construir e assegurar toda uma infraestrutura, o que abrange desde a integração com os inúmeros agentes, como: empresas de serviço, clientes, bases operacionais, distribuidores e outros intermediários envolvidos diretamente no dia a dia, até a utilização de novas formas de entrega de produtos e serviços. Esses, na maioria das vezes, personalizados por clientes. Além disso, a tecnologia deve estar preparada e construída para mudanças repentinas nas regras de negócios, tendências de mercado e novos serviços.

Certamente a gestão de todo o processo e das pessoas também é fundamental. Como vocês tratam isso na Transfolha?
Com relação a tecnologia, contamos com uma gerência de desenvolvimento que avalia voluntariamente as habilidades e competências do time técnico. A coordenação técnica tem uma atuação muito próxima aos profissionais, mantendo o time confortável para sugerir novas ideias e questionamentos. No processo atual, os recursos são alocados de acordo com os assuntos e processos em que estão habituados, gerando maior confiança do próprio profissional na frente desse desenvolvimento e produzindo agilidade e qualidade na entrega. Com as demais áreas adotamos um fluxo de comunicação contínuo, baseado em desenvolvimento e mensuração por indicadores. Temos alguns encontros ao longo do ano nos quais são apresentados os resultados obtidos em comparação ao planejado. Junto a nossa rede de distribuição, além do encontro de uma semana que ocorre todo início de ano, temos os encontros trimestrais por regional onde são discutidas e alinhadas as estratégias e desdobramentos do ano, do semestre e do trimestre no âmbito financeiro e operacional.

Quais os principais objetivos da Transfolha para 2017?
Implementar os projetos e soluções pensadas para manter a Transfolha como referência no segmento de e-commerce e cargas expressas.

Saiba mais sobre a Transfolha em http://transfolha.folha.com.br/

 

Landing transpoBrasil - Dicas Gestão Frete

 

Veja também: